Skip to content

Casas em árvores

janeiro 8, 2012

Acho que todo mundo já sonhou em ter uma casa na árvore durante a infância. Talvez seja em parte influência dos filmes americanos que passavam na Sessão da Tarde, em que a criançada da vizinhança se reunia nelas para tramar planos de dominação mundial (ou só do bairro). Também era o local em que aquele personagem meio nerd e antissocial, sempre incompreendido pelas outras crianças, se isolava com seus livros, discos e cadernos de anotações.

Eu ainda sonho em ter uma casa na árvore: ficar lá em cima observando o fluxo, o caos cotidiano, o bombardeio de informações, o corre-corre. Às vezes é necessário se distanciar pra entender melhor as coisas. Todo mundo precisa de um tempo pra si mesmo, um tempo pra refletir sobre questões íntimas e exteriores, que também afetam o nosso íntimo. Uma das minhas resoluções de Ano Novo foi de escrever mais. O ócio mata a criatividade. As ideias são temperamentais, se você não as usá-las quando elas querem, saem voando por aí à procura de outra cabeça que as valorize. Quando eu precisar ver as coisas de uma outra perspectiva, vou subir na minha casa da árvore. Por enquanto ela está aqui no virtual, mas quem sabe um dia eu não construo uma de verdade?

Image

6 Comentários leave one →
  1. Karen Carvalho permalink
    janeiro 8, 2012 21:22

    É sempre um prazer ler seus pensamentos!!! Serei frequentadora assídua!

  2. Diana permalink
    janeiro 8, 2012 21:35

    Vc atingiu meus sonhos mais viscerais quando falou em “casa da árvore”. O que dizer? vou ter que vir diariamente.

  3. Carla permalink
    janeiro 8, 2012 22:51

    Muito boa essa ideia de casa da árvore, é como se ausentar, mas a uma distância segura, que ainda permita a proximidade de poder observar as coisas. E sem medo de parecer clichê, quanto ao que disse sobre escrever, vou citar Renato Russo: “disciplina é liberdade”. Compartilhe sempre seus pensamentos, pois eles merecem respirar!

    • Carla Bonazza permalink
      janeiro 9, 2012 11:36

      Débora, minha estimada cabecinha brilhante!!! Que feliz que fico em ver suas ideias expressas antes que saiam voando…rsrs É isso mesmo, o ócio por demais prolongado, além do necessário para repor energias, é extremamente pernicioso. Rouba nossas melhores condições de crescimento.
      Quem sabe vendo sua produção, e arrumando mais um tempo este ano, eu lance um blog também…
      Parabéns!
      Beijos

  4. Maria Fernanda permalink
    janeiro 9, 2012 2:33

    Achei muito legal essa sua analogia. Esse distanciamento é absolutamente necessário. Já tive muita vontade de ter uma casinha numa árvore bem grandona. Não faz muito tempo, fiquei sabendo que já existe um hotel na Amazônia em que os quartos foram construídos em árvores. Tive muita vontade de ir até para ter essa experiência.
    Você foi mais rápida, porque já está tendo a sua experiência, ainda que virtual.
    Parabéns pela sua linda casa na árvore. Espero que nela você relaxe, tenha uma ótima perspectiva do que acontece no mundo, fora e dentro de você e, que aí, então, você aproveite todas as belas ideias, que com certeza irão te procurar para ganharem Vida! Viva Pirandello! Viva você! Viva o seu novo mega blog! Tim! Tim!

  5. ingrid permalink
    janeiro 10, 2012 4:47

    a-do-rei! Genial a introdução do blog, inspiração pras minhas próprias resoluções de ano novo🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: